29.1 C
João Pessoa
terça-feira, setembro 20, 2022
- Anúncio -spot_img
InícioDestaqueALPB concede Medalha Epitácio Pessoa ao médico Carneiro Arnaud

ALPB concede Medalha Epitácio Pessoa ao médico Carneiro Arnaud

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) realizou, sessão solene, na tarde desta quarta-feira (25), para entregar a medalha Epitácio Pessoa, maior comenda da Casa Epitácio Pessoa, ao médico Antônio Carneiro Arnaud, pelos relevantes serviços prestados ao estado e ao povo paraibano na direção do hospital Napoleão Laureano, referência no tratamento do câncer na Paraíba. A homenagem foi proposta pelo deputado Cabo Gilberto Silva,

Ao justificar a homenagem, Cabo Gilberto lembrou que tem experiência da importância do hospital na sua própria família, tendo em vista que sua mãe foi “muito bem tratada” durante a luta contra o câncer, por 10 anos. “É o mínimo que a Casa do Povo poderia fazer para os milhares de paraibanos homenageá-lo. Ele tem uma história belíssima a frente de um dos hospitais mais importantes do estado, que atende não só paraibanos, como pessoas de outros estados. Ele tem todo o meu respeito e se não fosse o hospital Napoleão Laureano, teríamos mais dificuldades. Ele merece toda as nossas homenagens e de todo o povo paraibano”, afirmou.
O médico Marcelo Lucena, presidente da Fundação Napoleão Laureano, destacou a ajuda e o apoio financeiro da Assembleia Legislativa ao hospital, através dos parlamentares estaduais, diretores e servidores, através da doação, em seus contracheques. “É uma considerável ajuda financeira ao hospital. É importante registrar esse feito dessa Casa, onde nós nos sentimos realmente em casa, pela afinidade que todos vocês têm, com o nosso hospital e o nosso trabalho. Essa é uma linda, justa e merecida homenagem para uma pessoa que por 60 anos esteve à frente do Hospital Napoleão Laureano e, mesmo com essa idade, ainda continua nos passando toda experiência possível, toda ajuda necessária nessa incansável batalha contra essa doença devastadora”, declarou.

Ao agradecer a homenagem, Carneiro Arnaud lembrou que o Hospital Napoleão Laureano tem três pilares de sustentação: as autoridades, o povo e a imprensa. Visivelmente emocionado, o médico agradeceu pelo reconhecimento daqueles que fazem o Poder legislativo, os representantes do povo. “São eles quem reconheceram em mim, o nosso trabalho e de todos que estão comigo no Laureano, fazendo uma luta incessante contra o câncer, principalmente ajudando às pessoas pobres, aos humildes. Atendemos aos 223 municípios. Recebo essa homenagem com muita satisfação e alegria, pois serve para nos estimular a continuar essa luta nesse hospital, que já tem 60 anos de funcionamento”, declarou.
Vários parlamentares participaram da homenagem e fizeram questão de dar o seu testemunho sobre o médico Carneiro Arnaud. O deputado Trócolli Júnior disse que a homenagem “é uma das mais justas já concedida pela Assembleia Legislativa, a um homem cuja dedicação ao povo da Paraíba, como gestor público e como um dos braços fortes do hospital que atende, principalmente, aqueles que não podem pagar tratamento oncológico em instituições particulares”.
O deputado Jeová Campos deu um testemunho pessoal de quem recebeu assistência e tratamento no hospital Napoleão Laureano. “Lá eu fui muito bem tratado e tenho orgulho de dizer que todos os que fazem aquela unidade de saúde têm reconhecimento por ser a casa mais importante da Medicina da Paraíba”. O deputado Bosco Carneiro, que também teve uma experiência familiar com o hospital, agradeceu pelo tratamento que foi dispensado à sua esposa, dona Raquel, que morreu no ano passado, depois de muitos anos de luta contra a doença. “Quero, em nome da minha família, em nome dela, agradecer pelo tratamento humano e de excelência que foi prestado com tanto amor, profissionalismo e dedicação”, pontuou.

 

 

APOIO DA CLASSE POLÍTICA

O deputado Janduhy Carneiro lembrou que o hospital completou, no ano passado, 60 anos de serviços prestados ao povo paraibano e destacou o apoio e a sensibilidade da classe política com as necessidades de manutenção do hospital. “Nós nunca deixamos de cumprir as nossas obrigações e responsabilidades com o Hospital Napoleão Laureano, porque todos compreendem o dever e a responsabilidade de direcionar recursos, através das emendas parlamentares em prol do hospital, porque lá existe seriedade e decência. Podem ficar certos de que cada centavo é aplicado para amenizar as dores e os sofrimentos dos nossos paraibanos”.
O deputado Branco Mendes foi enfático na sua saudação do médico Carneiro Arnaud: “Nós devemos muito a esse homem. Esse homem que fez e que faz história através do Hospital Napoleão Laureano, que é uma referência no Nordeste e só temos que lhe parabenizar. Você é merecedor de todas as honras dessa Casa e do Povo da Paraíba”. “Todos nós nesta Casa somos muito gratos por tudo que o hospital faz pelo nosso Estado e pelos nossos conterrâneos paraibanos”, completou o deputado Junior Araújo.
Também participaram da homenagem o deputado Joao Gonçalves; os médicos Thiago Lins Almeida, Diretor-Geral do Hospital Napoleão Laureano, e Fernando Lianza Dias, entre outros diretores das instituição; o presidente do Conselho Consultivo da Sociedade Norte-Nordeste de Cardiologia, além de diversas outras autoridades civis, militares e parentes do homenageado.


PERFIL DO HOMENAGEADO
Antônio Carneiro Arnaud nasceu em Pombal (PB) no dia 7 de dezembro de 1933, filho de Chateaubriand de Sousa Arnaud e de Dalva Carneiro Arnaud. É médico oncologista, formado pela Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), em 1958, e bacharel em Administração de Empresas, pela Faculdade de Administração dos Institutos Paraibanos de Educação (atual Unipê), em 1975.

Em 1960, assumiu a diretoria do Hospital do Câncer Napoleão Laureano em João Pessoa, tendo exercido paralelamente uma série de atividades ligadas ao setor hospitalar: professor das escolas de enfermagem da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e da Santa Casa de Misericórdia da Paraíba (Escola de Enfermagem Santa Emília de Rodat), em 1961, e da Faculdade de Medicina da UFPB, em 1962. Em 1968, fundou a Associação Paraibana de Hospitais, tornando-se seu presidente; e em 1970 a Clínica São Camilo, da qual também assumiu a presidência.

Membro de uma família de políticos, Carneiro Arnaud já ocupou cargos eletivos e públicos como deputado federal por duas legislaturas (1979-1983 e 1983-1987) e a Prefeitura de João Pessoa, no período de 1º de janeiro de 1986 a 31 de dezembro de 1989. É sobrinho de Rui Carneiro, deputado federal de 1935 a 1937, interventor na Paraíba de 1940 a 1945 e senador de 1951 a 1977; de José Janduí Carneiro, constituinte em 1946 e deputado federal, de 1946 a 1975; e de Alcides Vieira Carneiro, deputado federal, de 1951 a 1955, e ministro do Superior Tribunal Militar (STM), de 1966 a 1976. Seu tio-avô, Daniel Vieira Carneiro, foi deputado federal pelo Ceará de 1921 a 1923 e pela Paraíba de 1927 a 1929.

Fonte: ALPB

- Advertisment -spot_img

MAIS POPULAR

Comentários